Låne Penger | Paras Pikavippi | Kredittkort | Billig Strøm | Boligalarm | Husforsikring | Mobilselskaper i Norge | Taktekker

Lançamento da Editora CEAC com Mônica Dabus

Lançamento da Editora CEAC com Mônica Dabus

Autora Mônica Dabus fala sobre seu mais recente lançamento pela Editora CEAC com a autora espiritual Liz, a obra “Os Mistérios Sagrados do Amor”.

 

1 – OS MISTÉRIOS SAGRADOS AMOR – um romance no Egito antigo – nos fale sobre a ideia central do seu novo livro?

O romance é uma narrativa histórica que se desdobra em Mênfis, na II dinastia, faraônica, aproximadamente, entre os anos de 2890 a 2686 a.C.

O caminho sucessório do trono vivido por alguns personagens é marcado por amores, paixões, crimes e conspirações tramadas no palácio, que os levam a viver situações inusitadas. A obra desvenda os mistérios do povo egípcio, seus costumes, seus deuses e seus governantes, mas sobretudo demonstra o auxílio espiritual prestado a uma das personagens centrais. Em lances emocionantes, o leitor verificará que o amor regenera e aprimora sempre.

 

2 – Todos os personagens da trama realmente existiram ou são fictícios criados para o registro de um momento histórico?

Todos os personagens realmente existiram. A maioria dos romances psicografados são extraídos de muitas

histórias e dramas reais, levemente modificados, e por vezes adicionados conteúdos fictícios, a fim de tornar mais atraente a leitura para que o conjunto dos ensinamentos sejam mais proveitosos. Por vezes, os nomes são substituídos, deslocam-se cenários e até datas para que não haja a identificação de personagens, sem, contudo, alterar a essência da história.

 

3 – A história se passa no Egito, no período do Antigo império, algo em torno de 3.000 a.C, como foi para você entrar em contato com esse período da história, numa civilização tão fascinante?

Na abertura desta obra, estando eu em início de desdobramento, vi chegar à beira de minha cama, a Liz acompanhada de um mentor vestido como um sacerdote egípcio, de uma ternura e bondade admiráveis. Foi um reencontro ligado pelos laços de amor e respeito que os séculos não apagaram. Fui, então, arrebatada por eles, levada para um lugar que eu não sei bem onde era, vi-me com uma túnica clara e eles me davam instruções. Haviam outros espíritos. Vi aparelhos diferentes, como no início dos trabalhos, em 2013. Foi desta forma que me familiarizei com a esta belíssima e fascinante história.

 

4 – Naquele período já se realizavam práticas de intercâmbio com o plano espiritual?

Sim. O intercâmbio no Egito antigo era realizado na tranquilidade dos templos sagrados, sob o mais intenso mistério e severamente vedado à população leiga. A iniciação nos templos egípcios era cercada por múltiplos impedimentos e exigia-se o juramento de sigilo.

 

5 – Nos seus livros anteriores os personagens receberam uma forte orientação espiritual antes de encarnarem, no intuito de bem cumprirem seus compromissos, acontece o mesmo nessa nova obra?

Sim. As programações reencarnatórias de alguns personagens, em linhas gerais, foram delineadas na dimensão espiritual, com o auxílio de espíritos superiores que os orientaram para melhor aproveitamento das provações e expiações que enfrentariam. Entretanto, vale lembrar que as ocorrências de nossas vidas derivam das nossas escolhas. Os Espíritos nos revelam que o acaso não existe, e que podemos alterar a programação ao longo de nossa encarnação em virtude do mau uso do nosso livre-arbítrio ou por merecimentos adquiridos, amenizando algumas situações. Certas ocorrências, inclusive, não possuem qualquer ligação com escolhas feitas diretamente pelas pessoas, mas atrelam-se à imperfeição de nosso planeta, situação em que estamos condicionados, em função do estágio evolutivo em que nos encontramos.

 

6 – O grupo de espíritos presente no novo livro é o mesmo grupo que está em seus livros anteriores, agora com outros nomes?

Sim. Os personagens das obras são Espíritos de uma mesma família espiritual ligados durante muitos séculos por laços de afinidades e que reencarnaram desde esta época do Egito antigo, formando em tempos e lugares definidos grupos familiares. Alguns personagens estão presentes em todas as obras, outros, somente em algumas.

 

7 – Em 2013 você lançou seu primeiro trabalho com a autora espiritual LIZ, agora em 2018 vocês chegam ao 5º livro, como você avalia as produções até então e quais os projetos futuros?

Receber romances mediúnicos não é uma tarefa simples. Há a necessidade de muita dedicação, estudo doutrinário e reflexões. No meu caso, sei que é um compromisso, que houve um planejamento na espiritualidade, representando oportunidade de aprendizado e crescimento espiritual. De início, quando foi feito o “convite” pela mentora, com franqueza, achei que eu não seria capaz. Mas, os livros foram surgindo, e com o apoio do Richard Simonetti e Carlos Eduardo Luz, dando frutos. Se as obras cumprirem a função de despertar consciências no sentido ético-moral da existência, a uma pessoa que seja, todas as dificuldades valeram a pena. Atualmente, estou psicografando a sexta obra. Quanto aos projetos futuros, a Deus pertence.

Editora CEAC – conheça esta e outras obras em www.editoraceac.com.br

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *